• VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENVIAR
  • A+ A-
Atividade do Projeto META viabiliza realização de ensaios disruptivos no Laboratório de Ultra-Alta Tensão Externo do Cepel

Notícias

Atividade do Projeto META viabiliza realização de ensaios disruptivos no Laboratório de Ultra-Alta Tensão Externo do Cepel

03-07-2015

O Cepel recebeu recentemente os novos equipamentos que permitirão a realização de ensaios disruptivos, em seu Laboratório de Ultra-Alta Tensão Externo (Lab UAT Externo), em fase de implantação na Unidade Adrianópolis. Esses equipamentos foram adquiridos no âmbito da atividade Uatcef, com financiamento do Banco Internacional para Reconstrução e Desenvolvimento – Bird (Banco Mundial), através do Projeto de Assistência Técnica dos Setores de Energia e Mineral (Projeto META).


O custo dos novos equipamentos, produzidos pela Haefely Test AG, corresponde a aproximadamente 70% do valor do contrato com a empresa, que é de CHF 5.137.00,00, cerca de R$13 milhões. No final de 2015, um transformador de corrente alternada, também fabricado pela Haefely, deve chegar ao Brasil. Ele faz parte do projeto de recapacitação da gaiola corona do Cepel, utilizada na avaliação de novas concepções de cabos condutores de linhas de transmissão, e sua aquisição corresponde ao restante do valor contratado.


A construção e montagem do Lab UAT Externo são atividades do projeto de P&D LongDist, cujo objetivo é o desenvolvimento de tecnologias de alta capacidade para transmissão de energia elétrica a longas distâncias.


De acordo com o pesquisador Fernando Dart, da Área de Linhas e Estações, e gerente do LongDist, o Lab UAT Externo permitirá testar de forma realista modelos de linhas de transmissão calculados teoricamente. “No laboratório, verificaremos se o estudo teórico está adequado, se funciona e se condiz com a realidade”, explica, acrescentando que o Brasil precisa de linhas de alta capacidade para vencer os desafios do setor elétrico nacional, com características únicas, como a transmissão pela Amazônia ou a conexão com países andinos.


Sobre o Lab UAT Externo

A primeira fase do Lab UAT Externo foi concluída no ano passado, consistindo de um pórtico metálico para montagem de torres de linhas de transmissão e cadeias de isoladores, com vão livre de 70 m de largura e 70 m de altura, e uma base de concreto com instalação do gerador de impulso de 6,4 MV. O laboratório já dispõe de três transformadores de 750 kV, 1,0 A cada; dois retificadores de ± 1.000 kV, 50 mA cada; um gerador de impulso de 6,4 MV, 640 kJ e um gerador de impulso de 2,0 MV, 100 kJ.


As obras civis da segunda etapa do laboratório estão em andamento, e a construção dos outros dois pórticos será iniciada em breve. Esta etapa está sendo realizada no âmbito da atividade Uatport, também com recursos do Projeto META. A previsão é de que o laboratório esteja plenamente operacional nos primeiros meses de 2016.


Após concluído, o Lab UAT Externo estará capacitado a realizar: avaliação de desempenho de arranjos de linhas de transmissão e de cadeias de isoladores; ensaios de tensão suportável em CA (monofásicos ou trifásicos) ou CC (monopolares ou bipolares); verificação e determinação de tensão suportável a impulsos atmosféricos e de manobra; medição de RIV; distribuição de potencial em cadeia de isoladores; ensaios de corona em equipamentos elétricos.


Também será possível realizar pesquisa experimental envolvendo ensaios com solicitações combinadas de tensão utilizando fontes CA ou CC e gerador de impulso, além de ensaios disruptivos em equipamentos com tensões até 2.250 kV CA e até 1.600 kV CC.