• VOLTAR
  • IMPRIMIR
  • ENVIAR
  • A+ A-
Implantação do Laboratório de Ultra-Alta Tensão Externo do Cepel está na reta final

Notícias

Implantação do Laboratório de Ultra-Alta Tensão Externo do Cepel está na reta final

22-10-2015

Os dois últimos pórticos metálicos do Laboratório de Ultra-Alta Tensão Externo (Lab UAT Externo) do Cepel, em Adrianópolis, começaram a ser montados em setembro. A conclusão da montagem está prevista para dezembro, mês em que também deverão ser finalizadas as obras civis. A estimativa é de que o laboratório esteja plenamente operacional no final do primeiro trimestre de 2016.

A fabricação e montagem dos dois pórticos, orçadas em cerca de R$ 15 milhões, assim como as obras civis, com custo aproximado de R$ 11 milhões, estão sendo executadas no âmbito da atividade UATPORT, com recursos do Projeto META (Projeto de Assistência Técnica de Energia dos Setores de Energia e Mineral), em convênio com o Ministério de Minas e Energia (MME) e financiamento do Banco Mundial.

A construção do Lab UAT Externo integra um amplo programa de Pesquisa, Desenvolvimento e Inovação (P&D+I) do Cepel na área de transmissão em ultra-alta tensão. O objetivo da infraestrutura é permitir a realização de pesquisa experimental, e apoiar o desenvolvimento e avaliação do desempenho de soluções comerciais de novas configurações de linhas de transmissão, em níveis de até 1.200 kV CA e ±800 kV CC, com capacidade para transporte de grandes blocos de energia.

Com recursos da Eletrobras e da Finep/MCTI, a primeira fase de instalação do laboratório foi encerrada em 2014, consistindo de um pórtico metálico para montagem de torres de linhas de transmissão e cadeias de isoladores, com vão livre de 70 m de largura e 70 m de altura, e uma base de concreto com instalação do gerador de impulsos de 6,4 MV, 640 kJ. O laboratório também já possui três transformadores de 750 kV, 1,0 A cada; dois retificadores de 1.000 kV, 50 mA cada e outro gerador de impulsos de 2,0 MV, 100 kJ.

Os novos pórticos possuem as mesmas dimensões do primeiro e estão sendo fabricados pela Seccional do Brasil S/A. Os trabalhos de montagem estão sob a responsabilidade da Clemar Engenharia Ltda. Estas empresas se consorciaram para atender à demanda do Cepel.

“Após finalizada a montagem destas estruturas metálicas e concluídas as obras civis, a cargo da Nobilis Construções e Empreendimentos Ltda., passaremos para a etapa de comissionamento das instalações. Os equipamentos que foram temporariamente removidos do laboratório durante as obras serão reinstalados. Então, serão realizados os testes operacionais e o treinamento das equipes”, explicou Alberto Junqueira, coordenador do GT Unidade Gestora de Projeto Meta – Setorial Cepel (UGP/S-Cepel).

Segundo Junqueira, a parte mais pesada das obras civis já foi realizada, restando agora concluir algumas canaletas, parte da drenagem de águas pluviais e o arruamento, que vai permitir o deslocamento dos equipamentos móveis do laboratório, bem como daqueles sob ensaio.