EnglishPortuguese
ico-desce.png

SIGER: Gerência unificada de dados de estudos elétricos

Consistência e segurança nos estudos elétricos da rede de sua empresa

 

Em ambiente web e acessível através de programas do Cepel

A manutenção de uma base de dados coerentes para estudos de fluxo de potência e curto-circuito é uma dificuldade que se impõe a todas as empresas do setor elétrico brasileiro. Além disso, alternar entre dados atuais e futuros, mesclando a rede atual com a  planejada, consome esforços significativos das equipes de estudo. O SIGER apresenta uma solução simples e aderente aos padrões vigentes para estudos do Sistema Interligado Nacional, garantindo a unicidade dos dados e a coerência dos resultados dos estudos.

 

O SIGER é uma ferramenta em ambiente web para unificação e administração de dados de estudos elétricos (fluxo de potência e curto-circuito, até o momento), e foi desenvolvido como resposta às necessidades de unificação de dados do ONS.  Dotado de interface de gerenciamento de dados e comparação de arquivos em ambiente web, o SIGER também pode ser acessado diretamente pelas interfaces dos programas de análise de sistemas elétricos de potência ANAREDE e ANAFAS, do Cepel. O sistema permite que o usuário garanta que estudos de natureza distinta (fluxo de potência e curto-circuito, por exemplo) utilizem os mesmos dados, evitando inconsistências comuns quando os dados de diferentes tipos de estudo são armazenados em arquivos-texto.

Figura 1: Edição de Dados de Transformadores

ONS: unificação dos dados do PAR e do PEL

O SIGER está em implantação no ONS, onde será utilizado na unificação dos dados de estudos elétricos do Plano de Ampliação e Reforços – PAR e do Plano da Operação Elétrica (PEL).  O SIGER permite  o gerenciamento de dados de equipamentos de geração e transmissão utilizados em estudos de fluxo de potência e curto-circuito, incluindo sua evolução no tempo. Baseado em um modelo relacional de dados expansível, o SIGER possibilitará, no futuro, o atendimento a outros tipos de estudo, como os de transitórios eletromecânicos.

Além da  gerência unificada de dados de equipamentos para diversos tipos de estudo, o SIGER também gerencia a dimensão temporal desses dados, permitindo sua comparação, tanto com a configuração atual, quanto com configurações futuras da rede elétrica. Através de uma data de referência fornecida pelo usuário, o SIGER é capaz de comparar os dados em uso em um estudo (caso semente) com as instâncias corretas desses dados armazenadas em sua base. Concluída a comparação, o SIGER sugere alterações para compatibilizar os dados do usuário com os  da base de referência.

Figura 2: Comunicação do SIGER com o programa ANAREDE

O SIGER permite a classificação de usuários em administradores e usuários comuns. Aos primeiros é permitida a edição de dados diretamente na base do SIGER, seja de forma manual, seja através da submissão de arquivos. Aos usuários comuns é permitida a comparação dos dados de seus casos de estudo com o conteúdo da base do SIGER, considerada uma data de referência. Observando essa data, o SIGER informará ao usuário, através de um arquivo de dados e de um relatório textual, que modificações devem ser feitas em seu caso para adequar os dados ao conteúdo da base . As alterações podem ser aceitas ou não pelo usuário. A comparação pode ser feita por tanto submetendo um arquivo através da interface web, quanto acionando o SIGER diretamente através da interface dos programas ANAREDE e ANAFAS.

bg-grafismo-1

Faça sua pesquisa

Generic selectors
Exact matches only
Search in title
Search in content
Filter by Categories
Sem categoria
Skip to content